PAPO DE ESQUINA

Jornal do Ogunhe

Adiantamentos causam repercussão em Avaré

A tentativa da Prefeitura em defender o caso do adiantamento para viagem feito a Valdinei Muniz lotado no Gabinete do Prefeito e de Reinaldo Caçapa, ambos comissionados, teve repercussão nos meios jurídicos da cidade, onde diversos advogados (e não foram poucos) defenderam a tese sustentada pelo Tribunal de Contas.

De acordo com advogados de várias Prefeituras da região, não há como discutir quando existe uma determinação baseada em lei e, principalmente, quando existe recomendação do Tribunal de Contas orientando que o empenho deve ser feito em nome de funcionário efetivo e estatutário, pelo fato de existir vínculo empregatício.

Segundo outro jurista, a razão de não ser legítimo um comissionado retirar adiantamento de viagens em valores altos é que, de uma hora para outra, esse suposto funcionário, que não tem vínculo empregatício, pode se desentender com a Prefeitura, sendo exonerado, podendo deixar pendência do que retirou, responsabilidade que sobrará para o ordenador de despesas, nesse caso o prefeito, essa a razão de precisar ser um funcionário efetivo e regido pelo estatuto.

A repercussão foi grande visto que a defesa que está sendo feita vem de um elemento que tanto criticou essa postura em outras épocas, com relação a valores de adiantamentos para viagens, em que fazia prejulgamento, pelo fato de alguns políticos que tinham a preferência de parar no restaurante do km 53 da Castello Branco, para degustar o melhor bacalhau e isso para o elemento era uma tortura medieval, mas agora tudo é natural.

Tags:

SEC AVARÉ

VEJA TAMBÉM

24 de julho, 2017

Detentos do CR pintam escola em Avaré

24 de julho, 2017

A partir de hoje, intensificação de vacinas em Avaré

24 de julho, 2017

Equipe Tor faz prisões em dois dias de trabalho

24 de julho, 2017

TOR prende homem procurado por homicídio

22 de julho, 2017

Elementos usam nome da Santa Casa para aplicar golpes

22 de julho, 2017

Confirmaçao de notas fiscais estaria criando receio a comissionados

22 de julho, 2017

Prefeito copia o pai e pode responder por crime de responsabilidade

22 de julho, 2017

Prefeitura tenta desqualificar Lei Orgânica

22 de julho, 2017

Veículo oficial: Prefeitura muda entendimento

22 de julho, 2017

Sindicato dá prazo para Prefeitura apresentar folha salarial

21 de julho, 2017

Campo Machado contempla cidade vizinha, esquece Avaré

21 de julho, 2017

Assessor do prefeito dá carteirada na ABQM

21 de julho, 2017

FSP participa do Quarto de Milha em Avaré

21 de julho, 2017

Servidores do Samu trabalham sem quentinhas

21 de julho, 2017

Secretaria promove encontro de Mães Especiais

21 de julho, 2017

Faculdade Eduvale, Do Vale TV e Eduvale FM estão na 40ª AQBM

20 de julho, 2017

Diego Beraldo é o novo secretário da Cultura

20 de julho, 2017

Presidente do Sindicato diz que Prefeitura não fornece documento

20 de julho, 2017

Escritor doa livros para Biblioteca em Braile

20 de julho, 2017

Univesp divulga programação do vestibular

20 de julho, 2017

Itatinga: justiça determina exclusão de vídeos

20 de julho, 2017

Sem terminar UPA, Avaré pode ter que devolver recursos

Ir para o topo