Ajudando infâncias carentes na necessidade de brincar

Ajudando infâncias carentes na necessidade de brincar

legenda: Quando pessoas convertem uma tragédia em uma causa humanitária (TERCEIRA PARTE)

Fonte da Foto: divulgação

Caminhos futuros - Para os próximos períodos, eles pretendem guardar brinquedos específicos para montarem uma espécie de brinquedoteca. O local, conforme a ideia do casal, servirá de espaço para crianças possam ficar, durante o dia, enquanto suas mães trabalham, em clara alusão a uma alusão às creches da cidade.  “Hoje, não podemos fazer isso porque sou professora e o Eduardo, agente penitenciário, declarou Cláudia Regina Mantovani de Oliveira, explicando o viés beneficente da iniciativa.”

Para tanto, um dos passos futuros é cobrir o primeiro andar do sobrado, transformando a área em um barracão para acondicionar a maior quantidade possível de doações. “Isso ainda vai demorar, pois não temos nenhum viés lucrativo ou político com nossos atos. Nossa ideia é simplesmente ajudar quem necessita”, disse o responsável.

Por sua vez, Cláudia pretende doar mais tempo, em breve, para o projeto. “Falta pouco para eu me aposentar. Quando isso acontecer, pretendo ampliar nosso espaço com a utilização de mais prateleiras de aço, além de priorizar, desde janeiro, os itens para a realização da distribuição, que acontece próximo às Festas de Final de Ano”, frisou a professora.

“Em sua visão, as atividades lúdicas são imprescindíveis na formação dos novos seres humanos. “Como trabalho em uma escola, entendo que o brincar, para a criança, auxilia muito no aprendizado. Apesar disso, percebemos que muitos pais não têm condições de dar roupas e alimentação suas crianças, o que dizer de brinquedos. Essa foi uma maneira que achamos, já que não podemos dar para o nosso filho”.

As doações podem ser feitas diretamente no imóvel em que funciona a Oficina de Brinquedos Eduardo Filho, localizado à Rua Luiz Fagnani, números 72 e 81, no bairro Santa Elizabeth.

Veja Também