Avaré, uma estância turística que vive o contraditório

Avaré, uma estância turística que vive o contraditório Fonte da Foto: Ilustrativa

O fechamento de duas empresas que têm tudo a ver com o turismo de uma cidade mostra o retrocesso econômico pelo qual a Estância Turística de Avaré está passando, um fato que chama muito a atenção.

De acordo com o jornal A Comarca, o Hotel Ibiquá está encerrando suas atividades e até já anunciou na rede social a venda de móveis e utensílios, o que deixa registrado que o setor hoteleiro que faz parte do turismo da cidade já começa a sentir o impacto, já que a cidade oferece poucos atrativos e sem um esforço maior por parte da administração pública em promover eventos.

 

Até mesmo um posto de gasolina passa a fazer parte desse assunto contraditório, já que caminha junto com o progresso, principalmente em uma cidade se diz turística e, ainda assim, até o posto de combustível acaba sofrendo o impacto, como no caso o Posto Central, que estava localizado bem no centro da cidade.

O fechamento de duas empresas que têm tudo a ver com o turismo deixa claro que não está havendo nenhum movimento por parte da Prefeitura e, até mesmo, ao invés de trazer eventos, esse governo tem cortado, como ocorreu com a encenação de Cristo que nada mais era do que uma atração de fundo religioso, que poderia atrair turistas e movimentar a cidade com os próprios avareenses e que foi riscado do calendário turístico de Avaré.

 

Veja Também