Baixo nível da represa estaria causando desequilíbrio

Baixo nível da represa estaria causando desequilíbrio Fonte da Foto: divulgação

Um dos cartões de visita de Avaré que é a represa, como narra o jornal A Voz do Vale, bate novo recorde chegando ao nível mais baixo dos últimos 25 anos e, segundo técnicos, “o impacto registrado nos últimos meses vai causar um desequilíbrio ambiental de grandes proporções e o prejuízo dificilmente será recuperado tão cedo e levará anos para a recomposição do meio ambiente”.

O repúdio do prefeito de Avaré e mais seis prefeitos da região teve como objetivo alertar as autoridades federais para o risco de ameaça principalmente aos municípios banhados pela represa e o documento foi enviado aos órgãos competentes, para que alguma atitude seja tomada, embora a empresa CTG Brasil continue afirmando que o nível atual da represa é considerado normal para a operação da usina, mas o que se percebe hoje é que o nível da água já está prejudicando turistas e moradores da região.

O repúdio feito por Jô Silvestre e prefeitos da região foi considerado pela sociedade como de grande relevância e, mesmo assim, a empresa CTG Brasil considera o nível da água normal, o que não bate com a situação da represa na atual circunstância.

Veja Também