Barragem com risco de rompimento reduz o nível de água

Barragem com risco de rompimento reduz o nível de água Fonte da Foto: reprodução / TV TEM

O nível de água na barragem de Iaras, que tem risco de rompimento, baixou em cerca de um metro desde o início do serviço de escoamento no local. A decisão do rebaixamento parcial da represa foi tomada depois de vistorias e de um pedido do Ministério Público Federal (MPF).

Para amanhã, dia 16,está prevista uma audiência de conciliação para discutir sobre as obras na barragem, que fica no assentamento Zumbi dos Palmares.

Depois que o nível de água diminuir, o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), responsável pela barragem, deve iniciar as obras de recuperação do local.

Segundo a assessoria do Incra, foram autorizados os repasses de R$ 260 mil à superintendência em São Paulo para a contratação de serviços e outros R$ 50 mil para mão-de-obra de redução do nível de água da barragem. Do site G1.

“O esgotamento parcial vai dar mais segurança, colocar a barragem em nível maior de capacidade de retenção da água. É importante dizer que as ações serão concluídas antes do período de chuva”, afirma César Augusto Gerken, diretor substituto Incra em Brasília.

Veja Também