Câmara deve rejeitar criação de nova Secretaria

Câmara deve rejeitar criação de nova Secretaria Fonte da Foto: assessoria

De acordo com matéria veiculada no site da rádio Avaré AM, o projeto de lei complementar que cria a Secretaria de Negócios Jurídicos não deve ser aprovada pela Câmara.

O projeto deveria ser votado na noite de ontem, dia 16, mas acabou sendo retirado da pauta.

O projeto quer criar a 17° Secretaria municipal e não foi bem aceito pela maioria dos vereadores, que mesmo antes da votação, já adiantaram que a prioridade é baixar o limite prudencial da Prefeitura e corrigir o índice da inflação aos servidores municipais, que aguardam desde maio a reposição salarial.

O projeto foi retirado da Ordem do Dia, pois o prefeito Jô Silvestre protocolou um substitutivo, que ainda será analisado pelo jurídico e pelas comissões.

Segundo os vereadores, a Secretaria de Negócios Jurídicos é a mais nova alternativa do prefeito para dar poderes ao atual consultor geral da Prefeitura, o advogado Marcelo Aith.

A matéria é da Rádio Avaré AM.

Veja Também