São Pastel
Gilberto Empreendimentos
Lorsa
Arpoli
Alecrim
Maré

Depois de um ano de inércia a culpa ainda é do Poio

Depois de um ano de inércia a culpa ainda é do Poio Fonte da Foto: Internet

Pelo que se pode observar nos dez minutos de palavra livre do vereador Roberto Araújo, as únicas palavras que corresponderam à realidade foram os elogios disparados ao ex-secretário de Serviços Ricardo Aurani que, quando esteve à frente da Secretaria, não media esforços para manter a ordem e a limpeza da cidade. 
No mais, o vereador preferiu mostrar o seu talento político demonstrando tremenda coragem em defender naquela noite o prefeito Jô Silvestre, fazendo uma tremenda cortina de fumaça a que não prestaram atenção, justamente por ser um vereador muito bem articulado.

Roberto, segundo a oposição, se limitou atacar a gestão de Poio Novaes, como uma estratégia, já que como um político muito bem polido pelo tempo, sabe que não tem outra saída senão usar o passado para defender o prefeito, visto que é da bancada de sustentação de Jô Silvestre, mas que no fundo ele sabe que o prefeito não estaria correspondendo às expectativas nem mesmo daqueles que nele depositaram confiança através do voto a Jô Silvestre.

Tudo leva a crer, que o vereador aproveitou o tempo livre, com o recesso legislativo para enumerar as falhas do governo anterior e, de acordo com a oposição, o vereador não atentou que estava lá no mandato passado e que poderia, na época, ter enumerado as falhas da cidade e levado para Novaes e que hoje são usadas para defender o atual prefeito- argumenta a oposição. 

Veja Também