PAPO DE ESQUINA

Jornal do Ogunhe

Deputado Celso Giglio contribuiu com a cidade de Avaré .

Celso Giglio, falecido aos 76 anos, governou a cidade de Osasco por dois mandatos, segundo o prefeito atual Rogério Lins, e deixou a marca do desenvolvimento da cidade, pessoa correta, exemplar e muito competente. O prefeito Rogério Lins decretou luto oficial por 7 dias.

O Deputado Celso Giglio foi um político que contribuiu muito para a cidade de Avaré, até mesmo tendo propriedades aqui na região, onde além de obter boas votações, tinha boas amizades.

Celso Giglio era natural Campinas. Nasceu em 19 de fevereiro de 1941, filho de Antônio Giglio e de Maria Gatti Giglio. Foi casado com Glória Giglio, com quem teve cinco filhos e quatro netos.

Chegou a Osasco no início da década de 60. Médico, formado pela Faculdade de Medicina do Triângulo Mineiro, começou a trabalhar como médico concursado do antigo SAMDU (Serviço de Assistência Médica e Domiciliar de Urgência), e da Prefeitura de Osasco. Também passou pela superintendência da antiga FUSAM (Fundação de Saúde do Município de Osasco) e foi secretário de Saúde do município de 1977 a 1982.

Presidiu a Associação Paulista de Medicina – Regional Osasco, entre 1975 e 1977 e foi também presidente da FITO (Fundação Instituto Tecnológico de Osasco), entre 1977 e 1980.

A carreira política eletiva começou com a eleição a vereador em 1988, com a maior votação até então. Foi presidente da Câmara Municipal de Osasco, depois deputado estadual, prefeito por dois mandatos, deputado federal, Superintendente do IAMSPE e atualmente exercia seu terceiro mandato como Deputado Estadual.

Era um municipalista convicto, tendo ocupado a Presidência da Associação Paulista de Municípios – APM, por mais de dez anos. Defendia a necessidade de um pacto federativo mais justo e equilibrado, garantindo mais autonomia e poder de decisão aos municípios em diversas questões que ainda são da alçada do Estado e do Governo Federal.

Sua vida pessoal foi marcada por uma tragédia que comoveu toda a cidade de Osasco: a morte, num terrível acidente de carro, de sua esposa, Gloria Giglio, em 2013. Dr. Celso conduzia o automóvel quando aconteceu, no Km 165 da Rodovia Castelo Branco. Depois de ficar internado por várias semanas, voltou ao trabalho e à vida política, mas a saúde nunca mais foi a mesma.

(Informações da visão oeste)

Tags:

SEC AVARÉ

VEJA TAMBÉM

20 de janeiro, 2018

Prefeito garante municipalização do aeroporto

20 de janeiro, 2018

Prefeitura começa a preparar carnaval na Emapa

20 de janeiro, 2018

População quer mais ação dos jornais sobre Portal da Transparência

20 de janeiro, 2018

Semanário Oficial sem explicação plausível

20 de janeiro, 2018

Prefeitura colocou no orçamento secretarias que não existem

20 de janeiro, 2018

Prefeitura não se entende com nome de Secretaria

19 de janeiro, 2018

Avareenses fazem fila em busca de vacina contra febre amarela

19 de janeiro, 2018

Motorista é flagrado com mais de 70 quilos de maconha

19 de janeiro, 2018

PL sobre vicinais aguardam sanção do governador

19 de janeiro, 2018

Projeto “Segunda sem Carne” é vetado por governador

19 de janeiro, 2018

Prorrogado prazo para inscrição no Cadastro Rural

19 de janeiro, 2018

Prefeito, as coisas não são como antigamente

19 de janeiro, 2018

Turismo diz que apoiou vários eventos, mas não cita tipo de apoio

19 de janeiro, 2018

Praia Acessível oferece segurança ao lazer de portadores de deficiência

19 de janeiro, 2018

Entregues certificados aos alunos do Curso Via Rápida Emprego

19 de janeiro, 2018

Justiça nega prisão domiciliar ao deputado Paulo Maluf

19 de janeiro, 2018

Festa de São Sebastião começa hoje no pátio da São Benedito

18 de janeiro, 2018

Prefeitura destina 10 mil para secretaria não criada

18 de janeiro, 2018

PM apreende quadriciclo que andava pela represa

18 de janeiro, 2018

Preso da região é extraditado para a Suíça

18 de janeiro, 2018

PIS para nascidos em janeiro e fevereiro começa a ser depositado

18 de janeiro, 2018

Secretaria de Esportes retoma escolinha de Futsal Feminino

Ir para o topo