Eleitor com deficiência pode transferir título para seção com acessibilidade

Eleitor com deficiência pode transferir título para seção com acessibilidade Fonte da Foto: ilustrativa

O eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida tem direito a votar em lugar apropriado a suas necessidades. Para isso, basta se inscrever ou transferir seu título para uma seção com acessibilidade. Para as eleições deste ano, o prazo para tomar essa providência vai até 9 de maio, ou 151 dias antes da votação.

Para a transferência é necessário que o eleitor vá ao cartório mais próximo de seu domicílio, levando um documento oficial de identificação, comprovante de residência recente (máximo de 3 meses) e o título, caso o tenha.

O eleitor deve agendar seu atendimento no cartório pelo site do TRE-SP ou pessoalmente. Quem opta pelos postos do Poupatempo é atendido por ordem de chegada.

No Estado de São Paulo, das quase 96 mil seções eleitorais, em torno de 12% têm acessibilidade, ou seja, mais de 12 mil.

As seções com acessibilidade possuem infraestrutura adequada às necessidades desses eleitores, como rampas de acesso, largura das portas adequada a cadeirantes, bebedouros e banheiros adaptados.

Veja Também