Embora sem discurso, Estati tenta defender prefeito

Embora sem discurso, Estati tenta defender prefeito Fonte da Foto: Divulgação

Mais do que curiosa é a defesa feita ao prefeito pelo vereador Estati, que deixa a conotação de não ter prestado atenção à discussão sobre o projeto de lei, questão que o vereador preferiu consignar em seu discurso como uma acusação fantasiosa e aproveitar para fazer ataques ao vereador Ernesto, sem, entrar na discussão do assunto em um momento muito sério da sessão onde estava presente o empresário que havia feito a permuta com a Prefeitura.

Praticamente sem argumentos para defender o prefeito nessa séria discussão, o vereador Carlos Estati chamou a atenção muito mais pelos ataques que fez a Ernesto Albuquerque, alegando não saber por que tanto ódio o vereador de oposição sente pelo prefeito Jô Silvestre, o que não era, nem de perto, o foco da discussão. Além disso, fez uma absurda argumentação com uma confusão gritante entre Alcaide e Al-Qaeda.

Diante da situação, argumentando respeitar muito o empresário Ulisses, a quem afirmou conhecer há mais de 35 anos e em quem acredita, mas desguarnecido de informações Estati resolveu dizer que iria pedir vistas, porque o prefeito estava passando por “mentiroso”, naquela noite, o que deixou uma conotação de não ter entendido muito bem o teor da discussão sobre o polêmico projeto.

Veja Também