Arpoli
Lorsa
Gilberto Empreendimentos
São Pastel
Alecrim
inroda
Maré

Hoje tudo que acontece é culpa dos jornais virtuais

Hoje tudo que acontece é culpa dos jornais virtuais Fonte da Foto: ilustrativa

Por desespero e despreparo de alguns secretários da atual administração, para escapar das críticas que são comuns em qualquer governo, quando as secretarias não estão funcionando como deviam, a saída é procurar um bode expiatório como defesa e, mais uma vez, elegeram os jornais virtuais  como se fosse uma boa saída.

Desta vez, o desespero de começo de ano já nos mostra que alguns secretários não estariam suportando as primeiras críticas que nem são tão ácidas quanto poderiam ser; o fato é que a única opção achada por alguns é culpar os jornais virtuais, com aquela história propagada pelo Judésio Borges do Meio Ambiente.

Borges, na entrevista para o jornalismo da Interativa, jogou para os jornais virtuais a culpa daquilo que ele não está conseguindo realizar, uma justificativa que não tem nada a ver com a imprensa, mas, sim, com a missão assumida perante o prefeito.

Por que falamos que se trata de desespero o fato de jogar para os jornais virtuais situações que a população está vendo? Porque é a própria população que envia aos jornais virtuais informações confirmadíssimas de fatos que vêm ocorrendo em Avaré, relacionados à falta de ação por parte de algumas secretarias.

Ora, o jornal virtual Avaré Urgente esteve no dia 4 de janeiro na obra de recuperação ambiental e confirmou que a obra estava parada ou paralisada (qual a diferença entre as palavras paralisada e parada?), o fato é que naquele dia a obra estava parada.  Para desmentir a falsa informação do secretário Judésio Borges, simplesmente o Jornal do Ogunhê republica o texto do jornal virtual Avaré Urgente. 

Veja Também