Jornal do Ogunhê consegue falar com apontador

Jornal do Ogunhê consegue falar com apontador Fonte da Foto: Ogunhê

Depois que o sindicalista conversou com o apontador responsável, entramos na sala após solicitar licença e fizemos a seguinte pergunta ao apontador de nome Ronni, quais seriam a verdadeira situação que estava levando os funcionários da empresa MatServ Engenharia a não receber no dia certo, sendo que ele como apontador também se colocava na situação de funcionário da empresa.

Observamos que o apontador Ronni preferiu lançar criticas aos colegas que estavam sem receber e de certa maneira fazendo defesas impressionantes da empresa e para não citar a Prefeitura de Avaré a única coisa que Ronni disse foi que certos problemas burocráticos que precisam de documentações faziam com que o repasse de recursos ficasse emperrado e perguntamos se seria o repasse de pagamento da Prefeitura, o apontador apenas deixou indícios de suposta demora, mas não se aprofundou no assunto, mas o fato é que o atraso, segundo os funcionários desde o inicio da obra vem existindo por parte da firma.

Veja Também