Justiça parece não se entender com relação a Joselyr

Justiça parece não se entender com relação a Joselyr Fonte da Foto: ilustrativa

Nem a própria justiça parece se entender com relação à situação do ex-prefeito Joselyr Silvestre. Só na última semana notícias envolvendo o ex-prefeito ganharam as manchetes duas vezes. Uma pelo fato da Justiça ter determinado que um perito avalie a situação de Silvestre.

No início da semana, a juíza da 2ª Vara Criminal de Avaré, Christiene Avelar Barros Cobra Lopes, determinou a imediata designação de médico perito judicial, na especialidade de cardiologia, para avaliação das condições de saúde do ex-prefeito.

Praticamente no mesmo dia, a justiça revogou um mandado de prisão existente contra ele.

Em decisão liminar, o Tribunal de Justiça de São Paulo revogou o mandado de prisão contra Joselyr Benedito Silvestre. Em uma nova condenação, em segunda instância, ele foi condenado a oito anos de prisão por improbidade administrativa por causa da contratação de uma clínica médica sem licitação enquanto era prefeito, entre 2005 e 2008.

Porém, também esta semana, o político, que se encontra internado na Santa Casa de Avaré, conseguiu um alvará de soltura, graças a um habeas corpus impetrado por sua defesa.

De acordo com a defesa do ex-prefeito, o habeas corpus foi expedido pela 10ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça de São Paulo.

Segundo os advogados do ex-prefeito, com esta decisão, ele terá liberdade plena.

Veja Também