Líder do prefeito teve a pior atuação na Câmara ano passado

Líder do prefeito teve a pior atuação na Câmara ano passado Fonte da Foto: ilustrativa

O levantamento feito pelo jornal A Comarca em sua última edição do ano passado, 22 de dezembro de 2017, aponta a atuação dos vereadores sobre o trabalho apresentado, constando ainda na matéria a aprovação de 96,36% de projetos enviados pelo prefeito Jô Silvestre.

De acordo com o jornal A Comarca os vereadores que apresentara requerimentos e indicações foram: Toninho da Lorsa (77), Flávio Zandoná (196), Sergio Fernandes (151), Jairinho do Paineiras (219), Adalgisa Ward (526), Marialva Biazon (91), Ivan da Comitiva (181), Alessandro Rios (302), Carlos Alberto Estati (78), Roberto Araújo (332), Barreto (180) e Ernesto Albuquerque (108).

Entretanto o vereador César Augusto Morelli, líder do prefeito, em um ano de legislação apenas apresentou 6 indicações, 4 requerimentos e 1 projeto de lei, o que mostra que o vereador teve uma péssima atuação na Câmara, o que teoricamente demonstra  que não mostrou tanta preocupação com a cidade ou com seus supostos eleitores, para uma participação ínfima que apresentou no ano passado. Foi o pior índice de produtividade na Câmara no ano passado.

Veja Também