P II vai promover 4ª Jornada de Cidadania e Empregabilidade

P II vai promover 4ª Jornada de Cidadania e Empregabilidade Fonte da Foto: divulgação

Depois do sucesso das três edições do evento no ano de 2016, 2017 e 2018, que resultaram em mais de nove mil atendimentos aos sentenciados da Penitenciária da Barra Grande, P II de Avaré, a Jornada de Cidadania e Empregabilidade, projeto da Secretaria de Administração Penitenciária, promovido pela Coordenadoria de Reintegração Social e Cidadania em conjunto com a Coordenadoria de Unidades Prisionais da Região Noroeste do Estado de São Paulo, voltará a ocorrer na Unidade Prisional no período de 13 à 17 de maio de 2019.

A Jornada vem percorrendo as Unidades Prisionais de todo o Estado, com o objetivo de oferecer aos sentenciados um conjunto de serviços e ações que contribuam para sua reinserção social, contribuindo para a retomada da vida em liberdade.

Durante toda a semana haverá emissão/atualização de documentos pessoais como Registro Geral (RG), CPF, Certidão de Nascimento, Carteira de Trabalho (CTPS), bem como atendimento jurídico em parceria com a FUNAP, cortes de cabelo, atendimentos de enfermagem, com aferição de pressão arterial, testes de glicemia e teste rápido de infecções sexualmente transmissíveis.

Também haverá a realização de várias palestras abordando temas relacionados a área de saúde, profissional e pessoal, tais como: Dependência química e abstinência, Consequência das drogas, celas de fumantes, coodependência e grupo de apoio, Empreendedorismo Social, Profissional do Século XXI, Empreendedorismo e Mercado de Trabalho, Empregabilidade, Importância da Família, Horticultura, Empregabilidade, Uso Racional da Água, Higiene Bucal, Ansiedade, Infecção Sexualmente Transmissível, Agravos da Automedicação, Malefícios da Tatuagem Artesanal e Reintegração Social do Egresso na Sociedade.

A cerimônia ocorrerá no dia 14/05/2019, às 9h30min, na Penitenciária “Nelson Marcondes do Amaral” (PII de Avaré), na Rua Antônio Quintiliano Teixeira, nº 800 – Barra Grande – Avaré/SP, onde serão expostos ao público presente os trabalhos realizados pelos sentenciados com supervisão dos professores da rede Estadual de Educação e trabalhos desenvolvidos com demais parceiros, consistindo na confecção de prendedores, roupas e replantio de mudas nativas. (da assessoria)

Veja Também