Prefeito não cumpre metas em seu governo

Prefeito não cumpre metas em seu governo Fonte da Foto: Facebook

Enquanto o prefeito Jô Silvestre tenta desviar a atenção de sua administração com nomeações de novos secretários, quase 3 anos depois do início de sua gestão, o que vem pesando e muito para ele surge somente quando a imprensa age, narrando fatos sobre a má gestão do patrimônio público.

São fatos concretos apontados como pelo Tribunal de Contas do Estado, sobre a gestão do seu primeiro quadrimestre de 2018, que revelam que o índice de Planejamento Administrativo da Prefeitura de Avaré mostra o resultado abaixo da média no âmbito das categorias analisadas pelo Tribunal.

As perspectivas para o prefeito Jô Silvestre não são boas, sendo que o órgão fiscalizador narra sobre algumas falhas administrativas apontadas no ano de 2017 que não foram solucionadas e permaneceram no primeiro semestre de 2018; aponta o relatório do Tribunal de Contas, dentre elas, falta de organização da estrutura de planejamento, entrega de documentos fora do prazo ainda a baixa taxa de investimento em decorrência de obras paralisadas.

Para ter uma ideia no ano de 2018, o Tribunal de Contas apurou que das 22 construções ou reformas iniciadas no governo de Jô Silvestre, nove se encontravam paradas por falta de recursos ou acompanhamentos insuficientes.

Veja Também