Prefeitura consegue regularizar aquisição dos 68 alqueires

Prefeitura consegue regularizar aquisição dos 68 alqueires Fonte da Foto: arquivo

O costume do prefeito Jô Silvestre em administrar a cidade como fazia seu pai, anunciando antecipadamente uma aquisição ou uma desapropriação, numa suposta tentativa de levar à população que seu governo vai indo bem, sendo que diversos fatos mostram o contrário, continua.

Para deixar mais claro esse velho costume do prefeito, herdado de seu pai, relatamos: em meados de 2018 o prefeito Jô Silvestre anunciava a desapropriação de 68 alqueires da fazenda Água da Onça, sem que trouxesse, na época, informações mais precisas sobre o fato, levando a população a acreditar que tudo já estaria documentado. Na época, o Jornal do Ogunhê noticiou que a suposta desapropriação ainda não estava concretizada o que chegou a ser desmentido por um radialista que serve o prefeito.

Logo que a matéria sobre a desapropriação, no ano passado, ganhou as páginas de jornais, o que o prefeito e seu grupo não sabiam é que as advogadas da proprietária de uma Clínica Geriátrica, que cuidou até a morte de proprietário da área, Alberto Alani, que já não tinha herdeiros, informavam  ao editor deste jornal que a notícia publicada pela Prefeitura não correspondia à realidade. Mesmo com um curador para o negócio, levantou-se que havia uma penhora sobre a área de 68 alqueires que impedia qualquer desapropriação e somente com o pagamento à clínica, a Prefeitura poderia vir a ser proprietária da área.

Entretanto, mesmo sabendo da situação, o prefeito Jô Silvestre na tentativa de desqualificar nossas reportagens chegou a colocar na área duas placas, como se a Prefeitura já fosse proprietária daquela área, através de uma desapropriação judicial.  A desapropriação ainda não correspondia à realidade, uma vez que o imóvel em discussão estava penhorado pela Clínica.

Somente agora, depois de mais de um ano, um acordo garante à Prefeitura a conquista do terreno que estava sub judice.

Portanto, não havia necessidade de atropelamentos por parte do prefeito Jô Silvestre com objetivo de desmentir tudo o que este jornal publicou, durante o trajeto desenhado de forma errônea, que passava uma informação inicial supostamente enganosa. Agora, efetivamente a Prefeitura consegue realizar a conquista, tendo sido noticiada pelo jornal A Comarca, na sexta-feira passada.

Veja Também