Gilberto Empreendimentos
Arpoli
São Pastel
Lorsa
Alecrim
Maré

Prefeitura prefere contratar empresa de outra cidade

Prefeitura prefere contratar empresa de outra cidade Fonte da Foto: Face

Uma das principais fontes de renda de um município é o ISSQN (Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza), esse imposto é devido ao município em que o serviço é prestado, no caso o serviço prestado em Avaré o imposto é recolhido aos cofres de Avaré, se o serviço é contratado em Jaú o imposto é recolhido aos cofres daquela cidade.

É muito estranho o governo Jô Silvestre através de uma dispensa de licitação, procedimento que deveria ser evitado por uma administração cuidadosa, optar por contratar uma empresa de comunicação de outro município para veicular seus projetos de governo e o que ainda é mais estranho é logo depois de empenhar R$ 4500,00 (quatro mil e quinhentos reais) a favor dessa empresa e perder tempo em uma entrevista em horário nobre para explicar o inexplicável.

A imprensa de Avaré, em diversas oportunidades, convidou Jô Silvestre para participar de entrevistas, fontes ligadas à TV TEM, que sempre prestou um ótimo serviço ao município, confirmaram que convidaram Jô e ele não retornou.

Não era necessário contratar uma emissora de TV apenas para conquistar uns minutos de audiência para explicar o porquê de um ano de governo inerte, bastava ir, como sempre faz, à rede social e contar aquilo que tentou fazer no ano passado, sem conseguir, que seria tapar os buracos das ruas, agora com a suposta criação de um programa idêntico ao do prefeito de São Paulo chamado “Asfalto Novo”.

A população espera que algum vereador se disponha, logo na primeira sessão do ano, a protocolar requerimento exigindo explicação sobre a contratação do SBT para veicular propaganda que ninguém viu e que apenas serviu para o prefeito transformar a gravação e jogar na rede social, poucos minutos de gravação onde não consegue justificar o fato da cidade estar parada no tempo, pois mais tropeçou nas palavras do que explicou o que queria.

Veja Também