PAPO DE ESQUINA

Jornal do Ogunhe

Sem equipamento, coletores continuam correndo risco

No último dia 7 de julho, mais um coletor de lixo foi vitimado pela falta de conscientização da população no sentido de acomodar cacos de vidro de forma correta e trazendo transtorno aos servidores da coleta de lixo.

De acordo com uma publicação feita na rede social, pelo chefe da limpeza, Marcelo Vasques (Marcelo Té), o coletor Leonardo Francos dos Santos cortou a perna em um saco de lixo.

A situação é mais um alerta para que a população não descarte objetos cortantes, agulhas, vidros ou qualquer outro material semelhante no lixo domiciliar.

Marcelo Vasques (Marcelo Té) está com razão e indica que os objetos que podem ocasionar este tipo de acidente devem ser embalados, identificados e descartados separadamente do saco de lixo. Vidros, por exemplo, devem estar embalados em papel resistente ou dentro de caixas com indicações de material cortante.

No entanto, a matéria teve uma boa repercussão e houve aqueles populares que, através de e-mail, informaram que esse tipo de cobrança feita pelo funcionário não deixa de ser certa, mas afirmam alguns que, a observação que vem sendo feita pela população é que os coletores de lixo trabalham sem qualquer tipo de proteção, sem botas e sem calça grossa, o que não acontece em outras cidades.

Recomendaram que a Prefeitura, depois de muitos acidentes já noticiados envolvendo os coletores, entregue uniforme adequado para esse trabalho e exija seu uso. Há servidores trabalhando de bermuda e tênis, o que não é apropriado para esse tipo de serviço.  Enquanto falta uniforme para os coletores que se comprometem com o perigo, gasta-se $ 5.000 reais em viagens sem qualquer explicação.

Tags:

SEC AVARÉ

VEJA TAMBÉM

21 de novembro, 2017

Secretário de Comunicação é condenado por gravar vereador sem autorização

21 de novembro, 2017

Continuação da Cunha Bueno deve virar realidade

21 de novembro, 2017

Prefeito da região é alvo de CEI por causa de rede social

21 de novembro, 2017

Certidões de nascimento, casamento e óbito mudam a partir de hoje

21 de novembro, 2017

MEC prorroga aditamento do Fies

21 de novembro, 2017

Câmara não vota orçamento, enquanto Frea não se explicar, diz vereador

21 de novembro, 2017

TC: todos os resultados contábeis de 2016 da Frea foram negativos

21 de novembro, 2017

Secretário de Administração explica multas

20 de novembro, 2017

Vereador pede presença da diretora do DRS para explicar caso Oncologia

20 de novembro, 2017

Sexta tem doação de sangue em Avaré

20 de novembro, 2017

Obra da duplicação pode ser inaugurada esta semana

20 de novembro, 2017

IFSP de Avaré contrata professor

20 de novembro, 2017

PSC conquista emenda para a cidade

20 de novembro, 2017

Homem é preso acusado de esfaquear enteado

20 de novembro, 2017

Imagens mostram manobras de aeronave que caiu na represa

20 de novembro, 2017

Duplicação da rodovia SP 255 termina este mês

20 de novembro, 2017

Contas da FREA de 2016 não são aprovadas

20 de novembro, 2017

Prefeito de Porangaba é condenado por gastar demais com festas e shows

20 de novembro, 2017

Dia 1º de dezembro tem jantar beneficente na APAE

18 de novembro, 2017

Setor de Oncologia: o certo é resolver o problema

18 de novembro, 2017

Santa Casa envia nota sobre caso Oncologia

18 de novembro, 2017

Prefeitura vai processar motoristas da frota municipal devido a multas

Ir para o topo