SMDPD inicia Oficina de Libras

SMDPD inicia Oficina de Libras Fonte da Foto: Assessoria

Para promover a inclusão e capacitar os servidores municipais segundo os princípios da igualdade, a Secretaria Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência (SMDPD) deu início esta semana a uma oficina de aprendizado da Linguagem Brasileira de Sinais (Libras).

Com duração de 6 meses, a proposta é capacitar os colaboradores que trabalham na área de atendimento ao público a se comunicarem com surdos de maneira eficaz.

A oficina prossegue até o ano de 2019, mas ainda há vagas disponíveis. O servidor que tiver interesse deverá entrar em contato com o chefe de setor, de quem obterá as informações repassadas pela equipe da SMDPD.

“Este projeto já estava em sendo preparado em outras gestões, porém só a atual foi que conseguiu viabilizá-lo. A nossa meta é tentar atingir o maior número de funcionários para capacitá-los”, explicam os organizadores da oficina.

Além dos servidores da Prefeitura, a SMDPD ofereceu a oficina para os funcionários da Santa Casa da Misericórdia de Avaré, bem como os do Pronto Socorro Municipal. Médicos, assistentes sociais, recepcionistas, entre outras áreas, aderiram à capacitação.

 

Oficina para surdos

A SMDPD está com matrículas abertas para oficina voltada, exclusivamente, aos surdos (que não estão em período escolar), familiares e pessoas que convivem próximas à pessoa com deficiência.

Para se cadastrar, o interessado precisa levar o laudo médico comprovando sua deficiência e grau de parentesco ou proximidade com o surdo.

As inscrições vão até o final do ano e as aulas acontecem terças e sextas-feiras, das 9h às 10h.

Veja Também