Toninho da Lorsa fala sobre o caso da sonorização da Fampop

Toninho da Lorsa fala sobre o caso da sonorização da Fampop Fonte da Foto: assessoria

Depois de lembrar os mais variados apontamentos  que mostram falhas sem precedentes ocorridas no primeiro ano da administração de Jô Silvestre, o vereador Toninho da Lorsa fez questão de, mais uma vez, falar que o assunto era para mais de 20 sessões e começou por apontar um caso que está na lista das mais de 80 falhas publicada pela imprensa.

Toninho da Lorsa que vem sendo processado pelo Secretário de Cultura, Diego Beraldo, muito provavelmente agora poderá dar o troco tendo em mãos um apontamento do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, onde o responsável pela sonorização da Fampop do primeiro ano de governo de Jô Silvestre foi do secretário de Cultura.

O documento exibido pelo vereador mostra que, mesmo com vários decretos de contenção de despesas, a Prefeitura gastou dinheiro acima do normal com uma Fampop. Toninho chamou a atenção do secretário Beraldo afirmando que vai cumprir o seu papel e vai acompanhar tudo, porque teve vereador que teria dito “me mostra o baton na cueca”. Toninho exibindo os apontamentos do Tribunal disse “está aqui o baton na cueca, se quer saber a marca e o DNA de quem usou o baton, fica difícil”- finaliza o vereador Toninho da Lorsa.

Veja Também