Toninho da Lorsa questiona secretário de Meio Ambiente

Toninho da Lorsa questiona secretário de Meio Ambiente Fonte da Foto: Divulgação

Toninho da Lorsa, presidente da Câmara, fez vários questionamentos ao secretário de Meio Ambiente, Judésio Borges. Tais questionamentos foram feitos através de requerimento aprovado por unanimidade na sessão do dia 18 de junho, em que solicita que Borges responda a uma série de perguntas sobre a situação e condições de trabalho dos coletores que estão lotados na pasta do Meio Ambiente.

Toninho indaga sobre os EPIs, equipamentos de proteção individual, uniformes entre outros pontos que tratam das condições de trabalhos desses servidores. Porém, o que mais chama atenção é o fato de o presidente do legislativo questionar o secretário sobre os servidores estarem fazendo de suas funções na Prefeitura de “bicos”, isto é, tratando o vínculo empregatício como se fossem autônomos e, portanto, livres de horários e demais compromissos como os demais funcionários municipais.

Tal assunto veio à baila motivando o requerimento do presidente, pois, ao comparecer na sessão ordinária do dia 11 de junho o secretário teria declarado, durante sua explanação na tribuna, que alguns coletores estariam fazendo “bico”, isto é, trabalhando não mais que três horas diárias e, portanto, não cumprindo com as oito horas diárias para as quais foram contratados e percebem seus vencimentos.

Veja Também