Trazer recursos para a cidade é obrigação do prefeito

Trazer recursos para a cidade é obrigação do prefeito Fonte da Foto: divulgação

Parece que o secretário de Cultura, Diego Beraldo, mesmo dizendo que tem um exemplo dentro de sua casa, pelo fato de seu pai ter sido parlamentar por quatro vezes, ainda assim cometeu uma falha ao falar das funções de um vereador, entre elas colocar que também tem que buscar recursos para a cidade.

Diego Beraldo não foi feliz nessa declaração, pois o que cabe a uma Câmara de Vereadores é fiscalizar os atos do executivo, obter os recursos é prerrogativa de quem governa a cidade, no caso em tela seria trabalho do prefeito. Pouca gente sabe que os vereadores passaram a colaborar com o executivo, através de emendas parlamentares nos últimos 5 anos, o que não existia no passado.

O secretário fala de a Câmara apresentar ideias, mas como apresentar se o prefeito não aceita ideias principalmente se vier da oposição e o próprio secretário de Cultura de Avaré jamais aceitaria uma ideia da oposição, reclamação que fez que não tem procedimento, tanto que Diego Beraldo fala de projetos já existentes como se a sua Secretaria tivesse reorganizado tudo que já existia.

O que não estaria entendendo o secretário Beraldo ao deixar público que não é obrigado a ir à Câmara quando foi convocado é que está sujeito a responder por desobediência, pois não foi convidado, mas sim convocado a dar satisfações à Câmara de Vereadores e que em outros governos esse desconhecimento da lei não existia e os secretários compareciam para justificar o seu comportamento como membros do executivo, sabendo que ganham como comissionados para colaborar com o prefeito.

Veja Também