PAPO DE ESQUINA

Jornal do Ogunhe

Vereadora volta a criticar Disque Saúde

No discurso em plenário da vereadora Marialva Biazon o assunto mais interessante foi sobre o problemático sistema de Disque Saúde da Prefeitura, que de acordo com a vereadora e teria sido implantado para dar errado, e ao suspendê-lo colocar a culpa nos vereadores que pediram a retomada do serviço, que foi suspenso no início do ano. A matéria é do site Rádio Avaré.

Marialva afirmou que o atual governo não tem competência para fazer o serviço funcionar, que a solução seria colocar mais linhas e atendentes para realizarem os atendimentos; e isso prova a incompetência administrativa do atual governo.

“Dizer que vai parar porque não está funcionando ou não deu certo. Isso é assumir o atestado de incompetência administrativa. É dizer estou aqui, não sei por que vim e não sei o que estou fazendo aqui. Essa é a realidade dos fatos” – disse Marialva Biazon.

Falou ainda que não tem nada contra o secretário da pasta, Roslindo Machado, nem intenção em ocupar a Secretaria da Saúde e sim o objetivo de defender a população avareense, que está sofrendo com o descaso da Secretaria da Saúde.

“Estamos com problemas no transporte de pacientes para fazer hemodiálise, problemas com transporte de pacientes para a Unesp. Paciente que me ligou essa semana denunciando que ficou das 11 da manhã até as 3 da tarde após a realização de uma hemodiálise” – disse.

Ainda falou que está brigando para que se tenha um serviço de qualidade na saúde, que não tem nenhum gosto em fazer oposição ao governo, e sim, apontando o dedo onde os problemas existem e que a população de Avaré precisa ser atendida com respeito.

“É normal 8 consultas para cardiologista em uma cidade com aproximadamente 90 mil habitantes? Dá para fazer de conta que nada está acontecendo?”Questionou a vereadora.  Marialva finalizou dizendo que está muito bem na Câmara e que jamais fará parte do Governo de Jô Silvestre. 

Tags:

SEC AVARÉ

VEJA TAMBÉM

22 de agosto, 2017

Barreto cobra mais transparência com relação à Univesp

22 de agosto, 2017

Até líder vota contra veto de Jô Silvestre

22 de agosto, 2017

Barreto deu parecer favorável à Univesp

22 de agosto, 2017

Toninho diz que já notificou prefeito sobre devolução

22 de agosto, 2017

Minotauro participou de evento em Avaré

22 de agosto, 2017

O descaso com aqueles que precisam do Cosa

22 de agosto, 2017

Eduvale promove Semana Jurídica

22 de agosto, 2017

Aumentam vídeos sobre pedido de nota fiscal em pedágios

21 de agosto, 2017

Escola de Avaré não tem alvará da Vigilância Sanitária, aponta TC

21 de agosto, 2017

Técnicos discutem infestação de pernilongos na cidade

21 de agosto, 2017

Revogação de poderes da advogada, pode causar problema

21 de agosto, 2017

Vagas de emprego na região

21 de agosto, 2017

INSS: convocados para revisão do auxílio-doença têm até hoje para agendar perícia

21 de agosto, 2017

Deputado vai ao DER se informar sobre 2ª fase da Raposo Tavares

21 de agosto, 2017

Secretaria de Habitação entrega casas populares na região

21 de agosto, 2017

Escola é fiscalizada pelo TC em Avaré, até AVCB não tem

21 de agosto, 2017

Vereador questiona nova Universidade Virtual

21 de agosto, 2017

Políticos repassam concessões de rádio e TV para parentes

19 de agosto, 2017

Contrato para instalação de scanners corporais em presídios é assinado

19 de agosto, 2017

Imprensa é o farol do prefeito que governa no escuro

19 de agosto, 2017

Presidente da Câmara divide opiniões em Avaré

19 de agosto, 2017

Atitudes de Jô Silvestre fazem lembrar seu pai

Ir para o topo