Versão de outro adolescente é que não existiu agressão

Versão de outro adolescente é que não existiu agressão Fonte da Foto: reprodução / G1

Embora o vídeo postado mostre possível agressão ao pintor Rogério Bruder, a versão de um jovem de 15 anos que estava envolvido é outra, onde ele narra que não houve agressão e muito menos tapa no rosto do pintor, foi apenas relado na cabeça dele e mais nada.

O menor informou de 15 anos , segundo a Voz do Vale, revelou que todos estão sendo ameaçados e que estariam ligando para os seus pais que estão com medo e até mesmo o jovem estaria com medo, contando que nem mesmo está indo para a escola porque disse que não vai conseguir segurar essa situação.

O jovem ainda conta que precisou desligar o celular pois vinha recebendo muitas ligações, mas todos afirmaram também que estão preparados para as consequências. Disse ainda o jovem de 15 anos que seu pai e dos demais colegas, como também eles já foram à Delegacia e disse que "vamos arcar com os nossos erros”.

O menor ainda deixou claro que todos eles vão procurar o pintor Rogério Bruder para pedir desculpas pessoalmente. “Vamos procurar ele e até ajudar no que ele estiver precisando”.

Veja Também