O papel da imprensa na sociedade

O papel da imprensa na sociedade Fonte da Foto: Ilustrativa

A imprensa é considerada por muitos estudiosos como o quarto poder brasileiro em alusão aos três poderes constituintes. O papel primordial da imprensa é levar informação à população com precisão, de forma séria, imparcial, comprometida com a verdade.

Uma imprensa séria se preocupa em desempenhar o seu papel social para que cada vez mais a população possa sentir-se confiante nesse papel tão importante que é a informação. “Uma imprensa séria é livre de máculas, são os olhos e a voz do povo”. A imprensa como o “quarto poder”, é responsável por controlar os abusos dos poderes constituídos (Legislativo, Executivo e Judiciário) contra a população que, na maioria das vezes, não tem voz ativa para interferir em questões importantes. 

Novelas por exemplo: ditam modas, valores, desestruturação familiar como algo normal, enfim, o fato mostra a grande influência que a mídia em geral exerce notadamente sobre várias pessoas, e principalmente demonstra a grande responsabilidade da imprensa perante a população. Uma notícia inverídica acarretará grandes transtornos ou até mesmo danos irreparáveis às pessoas. Por isso a imprensa tem uma responsabilidade imensurável na formação da sociedade, estando atrás apenas da inigualável obra criada por Deus, que é Família, sendo essa base de toda conduta moral, honrosa, ilibada do ser humano.

Então, o papel da imprensa nos dias atuais é informar a população de todo e qualquer acontecimento e até mesmo sair em defesa dos interesses da sociedade, agindo assim, como um órgão fiscalizador. “Quando a imprensa não fala, o povo é que não fala”. Não se cala a imprensa. Cala-se o povo.

Nota do editor: Essa matéria foi publicada neste site em 27 de Outubro de 2016, com mais de 13.900 visualizações na época.

Veja Também