Servidor da Câmara de Avaré é denunciado por usar rede social durante expediente

Servidor da Câmara de Avaré é denunciado por usar rede social durante expediente Fonte da Foto: arquivo

Dá-se a impressão que setores da Câmara de Vereadores estariam sem organização e que chefes de setores não estão se preocupando com o que acontece, vindo tudo isso ocorrendo irregularmente, sem chegar ao conhecimentos dos responsáveis, no caso o presidente da Câmara, Flávio Zandoná, aquele que abomina as críticas que recebe da imprensa.

O servidor da Câmara Rodrigo Zamonelli foi formalmente denunciado pelo uso indevido das redes sociais, denuncia que partiu do jornal In Foco, oficio que foi protocolado ontem dia 10 na Câmara de Vereadores, sendo segundo Cida Koch o oficio protocolado na tarde de ontem.

Segundo a jornalista do In Foco, o funcionário que trabalha como vigia no Legislativo criticou o jornal depois de uma publicação de uma matéria que falava sobre a transferência de outra servidora, a telefonista Silvana Maria M. Salvador que passou a ser chefe de licitações e contratos da Câmara - informou o In Foco.

Mas para a jornalista os problemas não seriam as críticas, mas sim o problema do servidor fazer isso durante o seu horário de serviço, que é proibido pelo Estatuto dos Funcionários Públicos de Avaré.  A jornalista disse que vai tomar as medidas cabíveis caso a Mesa Diretora da Câmara não investigue essa denúncia, solicitando ainda a jornalista Cida Koch, a leitura do seu oficio na próxima sessão, portanto, segunda-feira.

Veja Também