SP Acolhe atende famílias farturenses

SP Acolhe atende famílias farturenses Fonte da Foto: ilustrativa

Coordenadoria de Assistência e Desenvolvimento Social informa os critérios para que os moradores possam ter direito ao “Programa de Auxílio às Famílias Vítimas da Covid-19”

Mais um programa social está disponível aos moradores do município de Fartura, que podem se inscrever para ter direito ao SP Acolhe: “Programa de Auxílio às Famílias Vítimas da Covid-19”. Trata-se de um auxílio mensal de R$ 300 às famílias vulneráveis que perderam ao menos um integrante de seu núcleo de convívio em razão do coronavírus, desde o começo da pandemia.

Este é um dos benefícios do Bolsa do Povo, maior programa de proteção social já anunciado pelo Governo de São Paulo. De acordo com a Coordenadoria de Assistência e Desenvolvimento Social, a iniciativa beneficiará famílias inscritas no CadÚnico, com renda mensal de até três salários-mínimos. O morador deverá apresentar certidão de óbito do parente em questão.

O auxílio vale para quem perdeu pai, mãe, avô, avó, filho, filha ou outro membro da família. O programa considera todas as estruturas familiares, exceto a unifamiliar (uma única pessoa), com filhos de todas as idades e oferecerá até R$ 1,8 mil para cada família, que será pago em seis parcelas mensais de R$ 300, entre os meses de julho e dezembro de 2021.

Os munícipes podem conferir se têm direito a esse auxílio, efetuando a consulta com o número do NIS no site: www.bolsadopovo.sp.gov.br- (da assessoria.)

Veja Também